Buscar

Conselho Nacional de Saúde convoca: Atos simbólicos pelas 300 mil vidas perdidas para a COVID-19

OFÍCIO CIRCULAR Nº 30/2021/SECNS/MS


Brasília, 19 de março de 2021.


Aos Conselhos Estaduais e Municipais (de capitais) de Saúde


Assunto: Atos simbólicos pelas 300 mil vidas perdidas para a COVID-19.


Prezado(a) Senhor(a),


Nas últimas semanas, nosso país tem acumulado tristes recordes de óbitos diários para a COVID-19. De acordo com os dados disponibilizados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS, o Brasil acumula 11.998.233 de infectados, com 294.042 de óbitos até o momento. Com uma média móvel de 2.255 mortes diárias, atingiremos a marca de 300 mil vidas perdidas para a COVID-19 nos próximos dias.


Desde o início da pandemia, o Conselho Nacional de Saúde - CNS tem atuado, por meio de seus instrumentos normativos - Resoluções, Recomendações e Moções, além de notas técnicas, notas públicas, entrevistas e publicações nas redes sociais, no sentido de defender a ciência e nosso Sistema Único de Saúde - SUS no combate ao novo coronavírus. Em conjunto com outros movimentos, como a FRENTE PELA VIDA, o CNS tem manifestado seu posicionamento pela vacinação para todas e todos, pelo distanciamento social, pelo auxílio emergencial, pelo uso da máscara e em defesa das recomendações emitidas pela Organização Mundial de Saúde.


O CNS entende que a triste marca de 300 mil vidas perdias, não pode ser apenas a aferição de um triste número. Este deve ser um momento de manifestações, onde a falta de uma coordenação nacional, a demora na aquisição de vacinas, o negacionismo científico, a falta de campanhas de conscientização e as "fakenews" devem ser denunciadas, por serem parte das principais responsáveis pelo atingimento deste triste número.


Assim, além de convidar para participar das atividades que serão organizadas pelo Conselho Nacional de Saúde, também sugerimos a realização de atividades descentralizadas, tais como: confecção de cartazes, projeções em prédios públicos, disponibilização de cruzes em locais públicos e panos pretos nas janelas, organização de eventos e atos pelas redes, ou qualquer outra iniciativa para denunciar esta triste marca e seus responsáveis, sempre respeitando as orientações sanitárias da OMS de distanciamento social, uso de máscara e álcool gel, entre outras.


Nos colocamos à disposição para mais informações nos telefones (61) 3315-2150 ou 3315-3821.


Atenciosamente,

ANA CAROLINA DANTAS SOUZA

Secretária-Executiva do Conselho Nacional de Saúde


OFÍCIO CIRCULAR Nº 30_2021_SECNS_MS
.pdf
Download PDF • 54KB


  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

© 2020 - Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias de Pernambuco